GAROTOS PERDIDOS 2 – A TRIBO (2008)

agosto 2, 2008 às 4:54 pm | Publicado em Filmes | 9 Comentários
Tags: ,

GAROTOS PERDIDOS, de 1987, sempre foi um dos meus filmes “anos 80″ favoritos. Lá em casa, tínhamos uma boa coleção de filmes em VHS, sendo que essa era uma das fitas mais assistidas – de preferência, em noites chuvosas de inverno.

O filme era ótimo e contava com a direção segura e criativa de um Joel Schumacher, vindo do ótimo O PRIMEIRO ANO DO RESTO DAS NOSSAS VIDAS e antes de se transformar na “tia velha e enlouquecida” de BATMAN & ROBIN (provavelmente o filme mais gay da história do cinema).

O elenco, formidável, contava com Jason Patric (no papel de mocinho rebelde), Kiefer Sutherland (na sua clássica caracterização de bad boy), Jami Gertz (na época, ainda uma mocinha gostosa), Corey Haim (adolescente herói, antes de mergulhar “de nariz” nos prazeres da vida) e seu inseparável amigo (inclusive na fase barra pesada) Corey Feldman (no seu melhor estilo: adolescente esquisito, assim como em GOONIES e CONTA COMIGO).

Tudo isso, ajudado por uma história legal, um clima sombrio e uma trilha sonora extremamente marcante, acabaram tornando o filme um dos ícones dos anos 80.

Talvez por isso, GAROTOS PERDIDOS 2 – A TRIBO acabe sendo uma grande decepção. É claro que eu não esperava nenhuma obra-prima, principalmente se tratando de uma continuação lançada, direto para o mercado de DVD, 21 anos depois.  Mas o fato é que pouca coisa se salva nesse filme, pessimamente dirigido por um desconhecido chamado P.J. Pesce (é bom guardar esse nome, para fugir de seus próximos trabalhos).

O começo do filme chega a ser interessante e conseguiu me empolgar – pois engana quem espera que os “pobres surfistas” sejam devorados pelo vampiro velho.

 Temos muitas cenas de gore, com cabeças decapitadas e vísceras arrancadas. Isso não é nenhum mérito do filme, mas, pelo menos, dava aquela cara de filme independente. Porém os defeitos começam com o excesso de pudor das cenas seguintes. Não temos nudez e nem sexo – uma grande hipocrisia, tratando-se de um filme de vampiros, com tanto sangue e violência – chegando ao cúmulo de termos uma vampira sendo morta nua, mas cobrindo os seios com as mãos antes de morrer.

O clima sombrio do primeiro filme também está lá, no começo. A decadente praia de Luna Bay é um lugar infestado por gente esquisita, perfeita para que uma gangue de vampiros delinqüentes circule sem chamar a atenção. Esse clima, infelizmente, é muito mal explorado e mostrado durante poucos minutos do filme.

A trilha sonora, tão marcante em LOST BOYS, mostra-se aqui bastante pasteurizada, limitando-se a algumas músicas de rock pesado (que até funcionam em certas cenas, mas sendo imediatamente esquecidas). Um dos personagens até insiste em uma musiquinha (do primeiro filme?), que é assobiada em algumas cenas tensas, mas nada que chame a atenção.

Outro ponto decepcionante foi o uso de nomes, ligados a produção original, apenas como chamariz. Começando com o líder dos vampiros, que desta vez é interpretado pelo meio-irmão de Kiefer Sutherland, Angus Sutherland. Ele até que tem um jeitão meio sinistro e não compromete tanto, mas está longe de ser o vampiro maluco e assustador do primeiro filme.

Depois temos Corey Haim, citado no material de divulgação, mas que só aparece (totalmente irreconhecível) em uma cena de 30 segundos, depois dos créditos finais. Dêem uma olhada abaixo:

Encerrando a lista (que também tem Jamison Newlander, que eu não lembro quem é) temos Corey Feldman – incrivelmente jovem e praticamente com a mesma cara de 20 anos atrás. É difícil classificar a sua presença, uma vez que ele parece parodiar o personagem original. Mesmo assim, sua forma de falar, extremamente forçada, me irritou muito…

Enquanto isso, os protagonistas pouco ajudam:  Tad Hilgenbrink (de AMERICAN PIE 4) é um dos piores atores que já vi na vida, não conseguindo convencer nem nas cenas de luta. Já Autumn Reeser (a patricinha Taylor de THE O.C.), apesar de bonitinha e um pouco melhor como atriz, não consegue trazer sensualidade as cenas – algo que considero importante em um filme de vampiros.   

No final das contas, LOST BOYS 2 parece ser uma refilmagem do filme original, infinitamente inferior. Escrita pelos mesmos Janice Fischer e James Jeremias (que, aliás, nunca haviam escrito outro filme além de LOST BOYS), a história é praticamente a mesma.

Não temos nenhuma cena marcante ou minimamente assustadora e o final é patético, já que  tudo se resolve em 15 minutos e de forma banal.

Fica aqui, então, minha dica: assistam a esse filme e depois, revejam o filme original. Pelo menos essa continuação terá o mérito de mostrar como se conta uma mesma história de formas de tão diferentes.

9 Comentários »

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URI

  1. o filme é chato p/ caramba,to assistindo ele e to quase dormindo!

  2. eu amei o filme..

  3. amei o filme gostei muito

  4. nao vi

  5. eu gostei muito

  6. ola pessoal meu nome e alexsandre da silva gostei do filme menos a cena em que o casador disse que tudo estava nos gibis tenho apenas 13 anos por isso nao assisti o outro mas li a Sinopse e vi que sao bastante parecidos ciceramente se eu assistise o primeiro acho que teria a mesma opiniao pois sou bastante critico bem espero que gostem do meu comentario e obrigado por sua atensao

  7. Caros

    Tenho um amigo que diz sempre “tem coisa que é pra ficar na memória” e Lost Boys é uma delas, tanto que mesmo tendo sido um ótimo filme ainda assim não empolga tanto quanto ná época de seu lançamento (sim eu sou velho… tenho 38). Apesar de que para quem gosta de filme de verdade isso pouco importa pois filmes “B”, Trash e outras porcarias devem ser apreciadas pois tem seu valor original. TLB2 foi sem dúvida uma cópia não fiel do original, até Corey Feldman é o mesmo Edgar Frog do primeiro filme. Assisti por que como eu disse no início sou apreciador de todos os tipos de filmes mesmo os de pior produção (vai que dou sorte e acabo assitindo algo bem legal) como certo triller chamado de “Evil Dead” que de bem produzido não tem nada mas ainda é um dos melhores filmes da história.

  8. eu amei este filme

  9. Bom to assistindo vamos ver o q vai dar.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com. | O tema Pool.
Entradas e comentários feeds.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: