FRIDAY NIGHT LIGHTS [1X13] – Little Girl, I Wanna Marry You

agosto 4, 2007 às 10:49 pm | Publicado em FRIDAY NIGHT LIGHTS | Deixe um comentário

Davi Cruz

O episódio inicia com uma piada muito boa: durante o trajeto para o trabalha, Tamy proibe Eric de ouvir notícias sobre futebol, deixando a rádio sintonizada no programa de uma psicóloga (Dra. Q) que faz diversos conselhos. Eric reclama, briga, mas durante o treino, é exatamente um dos conselhos da psicóloga que ele passa aos atletas…

A mãe de Smash encontra anabolizantes no quarto do filho. Ela procura o treinador Eric para repreende-lo por indicar o uso de medicamentos aos jogadores. Mas ele a informa que sabia de nada, e agora que sabe, vai tirar Smash do time.

Eric está com mais um problema: além do processo movido pela família de Jason, ainda tem que lidar com esse problema de Smash. Se o jogador for pego nos exames anti-doping, tanto ele quanto o time do Panther (e o treinador) estaram perdidos. Porém, Smash é a estrela do time e Eric precisa dele para tentar vencer os playoffs.

Decide então afastar Smash temporariamente, realizando exames de sangue até que as substâncias desapareçam. E proíbe Smash de tocar no assunto com quem quer que seja.

O pai de Lyla tenta arrumar outro namorado para a filha. Procurado por Jason, ele é bastante duro e honesto, dizendo que não quer sua filha sendo uma babá dele para o resto da vida. Jason decide que quer casar com Lyla e a pede em casamento.

Tamy é convidade para coordenar a campanha da atual prefeita da cidade, que concorre a reeleição. Ela fica empolgada com a idéia, mas Eric é contra, pois descobre que a prefeita é lésbica (e ele mostra-se uma pessoa bastante preconceituosa). Mas Tamy não dá o braço à torcer e resolve aceitar o desafio.

Enquanto isso, Tyra segue tentando apoiar sua fracassada mãe – mesmo quando tudo parece dar errado. Ela não desiste e consegue inclusive um emprego para a mãe. Pena que o emprego é como secretária de Buddy Garrit, que não é flor que se cheire…

O pai de Matt volta para o Iraque, o que resulta numa ótima cena de despedida: Matt, sua vó e Julie se despedem dele no ponto de ônibus. A frieza do pai, contrastando com a enorme preocupação e insegurança de Matt são realmente de cortar o coração.

No jogo da sexta-feira, sem a presença de Smash, o treinador Eric, em um momento decisivo resolve apostar todas as suas fichas na inteligência de Matt. Este realiza um lançamento arriscado para Riggins, que usa toda sua força e marca um espetacular tochdown, dando a vitória para os Panthers.

Para mim, o grande destaque para o episódio fica por conta da atriz Liz Mikel, que interpreta Corrina Willians, mãe de Smash. Ela dá um show de interpretação e consegue se sobressair em um elenco repleto de bons atores.

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: