FRIDAY NIGHT LIGHTS [2X05] – Let’s Get It On

novembro 6, 2007 às 10:12 pm | Publicado em FRIDAY NIGHT LIGHTS | 1 Comentário
Davi Cruz – Nota 9,0

Mesmo com algumas falhas, este quinto episódio de FNL me agradou bastante. Tivemos uma história bem diversificada, bastante emoção e, principalmente, a mudança de atitude de vários personagens.
O primeiro deles é Matt Saracen. Devido as diversas brigas entre ele e Smash, o treinador Eric os chama para um jantar e pede que falem o que está os encomodando. E Matt fala, até demais, inclusive reclamando do fato de Eric ter os abandonado. OK, Matt as vezes fala demais, mas desta vez ele falou realmente o que o treinador precisava ouvir.
Matt volta a ser assediado por Julie, agora que o lance com o Sueco não deu certo. Inicialmente o rapaz cede aos encantos da linda (e chata) menina, chegando até a pedir conselhos para a mãe dela. Mas resolve bancar o durão e diz que não quer sair com ela, depois de tudo o que ela fez. Boa Matt! Mesmo que mais tarde você volte atrás, pelo menos no momento vocês fez a coisa certa!
Temos também a mudança de Tim Riggins. Além de convencer Lyla a ir até o México, fazer Street desistir da cirurgia, o caladão resolve falar e, nas duas vezes que isso acontece, ele se sai muito bem.
Na primeira, ao ver Lyla querendo voltar para o Texas, ele solta a brilhante frase “Eu peco diariamente, mas sou melhor cristão do que você”. Depois, durante um passeio de barco, vendo que Street não está querendo desistir da arriscada cirurgia, ele é bastante duro com o amigo, e avisa que, se for necessário vai “derrubar e arrastar” Street de volta para casa.
A conversa é tão dura, que Street se joga do barco. Não sei se ele queria se matar ou não, mas o fato é que ele consegue nadar até a praia e, quando os amigos chegam, diz que não vai mais fazer a cirurgia.
Acho até que todos foram muito duros com ele, podendo ter dito para ele esperar mais algum tempo e ver o avanço dessas novas técnicas – e não dizendo que ele NUNCA MAIS voltaria a andar.
Na volta para casa, param em um bar para beber e dançar e Tyra acaba beijando os dois amigos – imediatamente se retirando para rezar. É pessoal, o triângulo está mais vivo do que nunca.
Landry tem sua chance num jogo dos Panthers. Na partida em que Matt e Smash ficam na reserva, devido as suas brigas, Landry dá um discurso no intervalo – que motiva todos os jogadores – e é escalado por Eric. Ele faz uma excelente partida e, com a vitória do time de Dillon, é aclamado por todos. Claro que tudo isso soa muito falso… Só faltava Landry ter feito o touchdown da vitória…
Claro que nem tudo são flores. Tyra, agora considerada suspeita do crime, é procurada pelo pai de Landry, que ordena que ela se afaste do seu filho. Tyra então, para proteger o rapaz, acaba rompendo com ele, sem contar que foi pressionada pelo pai dele. Ela, de uma forma totalmente clichê, arrasa com Landry, inclusive o ofendendo – para depois ir chorar escondida dentro do carro.
Anúncios

1 Comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. eai kra blza? vlw por me add na sua lista d links, agora q eu vi. tb ja te add na minha.

    FNL é bem legal ein. eu so assisti metade da primeira temp; mais logO vo terminar. é q ando sem tempo;
    Mais teu blog continua muitO fera;;;

    Passa la no meu e comenta tB??

    serieseaqui.blogspot.com


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: