HEROES [2X11] – Powerless

dezembro 10, 2007 às 3:15 pm | Publicado em Heroes | Deixe um comentário

Davi Cruz – Nota 9,0

Apesar das muitas falhas durante este VOLUME DOIS de HEROES, não posso deixar de reconhecer o esforço dos realizadores, na tentativa de criar uma SEASON FINALE digna, apesar de toda a dificuldade causada por essa greve dos roteiristas.

Diante disso, e mesmo com as fragilidades naturais de HEROES (diálogos bobos, dificuldade de lidar com tantos poderes diferentes, falta de foco nos principais acontecimentos, etc), posso dizer que gostei muito do episódio e que ele me deixou com uma boa expectativa para o retorno da série, no chamado VOLUME TRÈS – VILÕES (que só Deus sabe quando irá ao ar).

O criticado Dr. Mohinder Suresh (inclusive por mim) consegue, enfim, ter alguma idéia inteligente: mesmo pressionado por Sylar, consegue acionar o sistema de segurança do seu laboratório (localizado no antigo apartamento de Isaac Mendez) e enviar um sinal de alerta para o Q.G. da Compania.

Quem percebe o chamado é Elle. Na tentativa de agradar ao seu pai, ela resolve ir até o local sozinha e enfrentar Sylar. Parcialmente derrotada (Sylar consegue fugir), a garota acaba descobrindo uma nova sensação, até então desconhecida por ela: a satisfação de fazer a coisa certa. Tanto que ela mal consegue disfarçar a alegria que sente, ao perceber que acabara de salvar a vida de três pessoas (Mohinder, Molly e Maya), sendo considerada por elas uma verdadeira “heroe”.

Enquanto isso, Claire está decidida a divulgar a história da Compania para o mundo. Sua mãe e West tentam fazê-la mudar de idéia, pois acham que essa é uma decisão perigosa, mas ela não lhes dá ouvidos. Noah Benett reaparece e, passado o susto, conta como sua vida foi salva pelo sangue de Claire e pede para que ela desista do seu plano.

Neste ponto, fica evidente que a produção de HEROES estava correndo contra o tempo: assim como na cena entre Claire e West (eles discutem, rompem o namoro e ele vai embora voando, tudo isso em poucos segundos), a conversa com sr. Benett é bem rápida (ele fica em pé mesmo e logo vai embora, sem sequer abraçar ninguém).

Deixando de lado a pressa da sequência, o fato é que logo descobrimos que o sr. Benet estava ali como parte de um acordo feito entre ele e Bob (sempre ele), de modo a preservar a segurança da sua família. Aparentemente, a Compania os deixaria sossegados, desde que Claire desistisse do plano e Noah voltasse a “colaborar” com a Compania (mais detalhes adiante).

Temos outro personagem que deve ter se despedido do seriado (nunca se sabe, numa série onde todos morrem e ressussitam sem maiores cerimônias…) é Nikki. A loira consegue salvar Mônica, que estava prestes a ser queimada viva, mas acaba ficando presa no prédio. Mônica consegue sair, mas antes que Nikki saia o prédio explode. A personagem realmente não me agradava muito e pouco tinha contribuído para a história, principalmente nesta segunda temporada.

E, finalmente, temos a sequencia mais importante do episódio. De cara, presenciamos o duelo entre Peter e Hiro, com a vitória do primeiro (ajudado pelo fato de Hiro não querer fazer mal a Peter). Com isso, Adam e Peter ficam livres para invadir o prédio da Primatech Papel – atravessando corredores repletos de “inimigos” que são derrotados sem grande esforço, bem ao estilo de games como DOOM.

Hiro tenta impedí-los novamente e só não é morto por Peter porque Parkman e Nathan chegam a tempo. E basta uma rápida conversa entre os dois irmãos para que o “manipulável” Peter mude seus conceitos em relação a Adam (só não me perguntem o porque de Nathan esperar que Parkman leve uma surra de Peter, para depois aparecer). Numa sequencia rápida, mas eficiente, Hiro consegue derrotar Adam (na verdade, desaparece com ele) e Peter consegue destruir o vírus Shanti.

Encerrando o episódio, temos Nathan prestes a dar um discurso, contando toda a verdade sobre os HEROES, quando é atingido por vários disparos. Será que ele morreu? Quem disparou e quem foi o mandante? Só daqui a alguns vários mêses para termos essa resposta…

Minha humilde teoria:
– O autor dos disparos foi Noah Benett, ainda como parte do acordo com Bob (já sabemos que ele é capaz de qualquer coisa para proteger sua família e Bob é capaz de tudo para preservar a Compania). E a pessoa ao telefone com Angela Petrelli, obviamente, é o próprio Bob.

PRÓXIMO VOLUME

A próxima temporada (ou volume, como queiram) promete muito. E, como o próprio nome diz, será centrada nos vilões da história. Aliás, vilões é o que não falta a esse seriado:

– Bob: assim como Ben Linus de LOST, é um personagem enigmático e muito interessante.

– Adam: apesar de ser um grande personagem, extremamente manipulador, não consegui me convencer muito das suas motivações. Querer destruir o mundo com um vírus, apenas para começar tudo de novo, me pareceu algo um tanto quanto bobinho – ou pouco criativo. Termina a temporada enterrado vivo, no mesmo cemitério do pai de Hiro, mas acredito que deva escapar e voltar para atormetar os HEROES.

– Sylar: pra mim, já deu o que tinha que dar. Porém, como é adorado pela maioria dos fãs de HEROES, deve voltar com toda a corda. Sua última cena é prova disso. Aliás, achei a cena genial: reparem que a lata que ele pega, ao recuperar seus poderes, é uma lata de espinafre, numa divertida referência ao personagem Popeye.

– Angela Petrelli: tão má quanto Sylar, manipuladora como Adam e com motivações misteriosas, ela me causa calafrios cala vez que aparece na tela…

CURIORIDADE

Gostaria de saber se mais alguém ficou curioso em relação aos itens expostos na sala onde estava o vírus Shanti. Consegui identificar estes:
1-um cérebro
2-uma adaga
3-uma estátua de um cavalo, que lembrou o Cavalo de Tróia
4-cartas de um baralho
5-uma chave dourada

Fiquei curioso sobre a importância deles na trama (se fosse LOST, obviamente significariam algo, mesmo que levassem anos para explicar).

Bom, teremos muito tempo para teorizar sobre eles e os outros assuntos da série – além de torcer para que a greve dos roteiristas termine logo…

Deixe um comentário »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: