CORAÇÃO DE TINTA (Ink Heart/2008)

janeiro 1, 2009 às 11:25 pm | Publicado em Filmes | 10 Comentários

coracao

Ao entrar no cinema, para assistir CORAÇÃO DE TINTA, eu não havia lido absolutamente nada sobre o filme. Nem críticas positivas, nem negativas (a maioria),sendo que, na verdade, as únicas informações que dispunha eram aquelas presentes no cartaz (que, aliás, é bem genérico).

E assim, assistindo sem nenhum “pré conceito”, me encantei pelo filme, baseado na obra da alemã Cornelia Funke e parte de uma trilogia, completa por Sangue de Tinta e Morte de Tinta.

coracao_01CORAÇÃO DE TINTA parte de uma premissa bastante interessante: nove anos atrás, o restaurador de livros Mo (Fraser) descobre, acidentalmente, ter o poder de trazer para o nosso mundo elementos presentes em livros. Acidentalmente porque, ao ler em voz alta trechos do livro “Coração de Tinta”, ele trás Capricórnio e Dedos Empoeirados, personagens da história, e acaba enviando sua esposa Teresa para dentro do livro.

A partir daí, Mo passa a procurar uma outra cópia do livro, raríssimo e destruído no incidente, na tentativa de trazer sua mulher de volta, enquanto é perseguido por Dedos Empoeirados (que quer voltar ao seu mundo).

O filme tem um visual impressionante. Sei que isso é o mínimo exigido em uma grande produção como essa mas, levando-se em conta que o orçamento foi de aproximadamente US$ 45 milhões, posso dizer que o dinheiro foi muito bem gasto – basta uma rápida comparação com A BÚSSOLA DE OURO, que custou mais de US$ 150 milhões, para comprovar isso.

O roteiro tem lá os seus defeitos, como depender muito de pequenas coincidências para dar segmento à história. Também pode se tornar um pouco tediosa para os expectadores menores, já que os personagens vão e voltam para diversos lugares, num ritmo meio lento (lento para a crianças, mas interessante no meu ponto de vista). Porém, os diálogos são divertidos e a história incentiva o gosto pela leitura, o que já é um grande mérito.

inkheart_08O destaque, para mim, são os ótimos personagens presentes. Brendam Fraser (no seu tipão meio “abobado” de sempre) parece bem a vontade e não compromete.. Hellen Mirren (A RAINHA) traz credibilidade à produção, funcionando como uma espécie de Galdalf feminino (não que Galdalf seja exatamente um símbolo de masculinidade…) enquanto Paul Bettany (CORAÇÃO DE CAVALEIRO) comprova sua versatilidade e faz um ótimo trabalho como Dustfinger (para mim, o melhor personagem do filme). E se Sienna Guillory (a Gill Valentine de RESIDENT EVIL: APOCALYPSE) incomoda um pouco, com sua interpretação exagerada na fase “muda” da sua personagem Teresa, Elisa Bennet sai-se muito bem no papel de Meggie (não tenta ser “bonitinha” e nem “meiga” demais).

Gostei muito da forma misteriosa com que o diretor Iain Softley (do bom A CHAVE MESTRA) inicia a história, deixando todos com a impressão de que perderam alguma informação importante, assim como a reconstituição caprichada de personagens e ambientes de histórias clássicas da literatura. Fiquei boqueaberto com os macacos voadores e com a tempestade (de O MÁGICO DE OZ) e senti um pingo de nostalgia ao ver o personagem Sombra, que me lembrou muito o Balrog de O SENHOR DOS ANÉIS – além do fato de termos Andy Serkis (o Gollun) como o vilão Capricórnio.

Enfim, indico esse filme a todos que querem ver um bom filme de fantasia. Como fã do gênero, posso garantir que é ele é bem melhor que as últimos produções similares.

10 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. OITO????
    Quero ver correndo!!! Aguçou ainda mais minha vontade!!!!
    Obrigada pela visita lá em casa, e ve se aparece quando quiser…
    Que 2009 traga à vc e sua Família, muita Saúde, Amor, Felicidade e Prosperidade. É o que desejo de coração a você!
    Espero muito mais contato esse ano!
    Volto ver mais dicas!!!
    FELIZ 2009!

    Beijos

  2. Eu não gosto do Brendam Fraser e nem de filmes muito fantasiosos, mas alguns acabam chamando minha atenção. Vou tentar assistir, parece valer a pena.
    Abraço

  3. Parece ser um filme muito interessante, quando estiver passando aqui na cidade vou procurar assistir.
    Seu blog me foi apresentado pelo seu primo. Espero que continue expressando tão bem as suas idéias.

  4. Oi, Davi!! Beleza?

    Este filme tem a minha cara, hehehe. Adoro este estilo. E me lembrou muito História sem Fim.

    E Lost tá voltando, hein….Ansioso?
    Feliz 2009
    Bjs

    • vc é linda taaaaaaaa????

  5. beleza de filme

  6. um filme exelentissímo,maravilhoso e espetacular
    um filme q melhor imposivel n sei mais inigualavel é…

  7. meu no me é karen só quero saber como que acoonteçeram tudo isso
    com a meggie é o mo é a ma da moggie???mais essa historia estár çodima como disem quem gosta gosta quem não gosta que se fadaze!!!!!!!!!!!!!!!!
    eu sou de +++++ gosto de pessoas linda como eu gostosa como eu !!!quem entra nesse saide me add no msn karen_fiel123@hotmail.com estou de esperando para ajende comversar :)

  8. […] muito do Paul Betany (CORAÇÃO DE CAVALEIRO e depois em CORAÇÃO DE TINTA) e achei que ele estava muito bem aqui, como um anjo guerreiro e amargurado. Gosto também do […]

  9. Você sabe mesmo como convencer uma pessoa a ver um filme :)


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: