AVATAR [2009]

janeiro 9, 2010 às 8:07 pm | Publicado em Filmes | 8 Comentários
Tags:

Davi Cruz – Nota 9,5

Espetacular! Fantástico! Revolucionário!

Você  já deve ter cansado de ver pelo menos uma dessas três palavras, sempre que lê algum texto sobre AVATAR. E, tenho que confessar: é realmente difícil de pensar em outra coisa, logo após assistir ao filme…

Mas então porque apenas nota 9,5 e não 10? Fácil de explicar: apesar de não ser a sua função (que é revolucionar a forma com que ASSISTIMOS cinema) acho que Cameron poderia, depois de 12 anos de planejamento, ter criado um roteiro um pouco menos previsível. Além dos excessivos clichês, a história nada mais é do que uma revisão de POCAHONTAS e DANÇA COM LOBOS, escondida por detrás de um visual hitech (li algo assim em algum lugar, mas não lembro onde…).

Dizendo isso, vamos ao lado bom da coisa: depois de assistir à AVATAR em um cinema 3D, jurei a mim mesmo nunca mais assistir à nenhum outro filme que não fosse com aquela tecnologia. É claro que se trata de  uma promessa impossível de ser cumprida, já que muitos filmes continuarão sendo assistidos em casa, na TV da sala, no monitor do computador e, porque não, no precário cinema aqui da cidade (que, por sinal, está passando por reformas). Mas a minha vontade realmente era essa: assistir apenas à produções com o mesmo padrão 3D de AVATAR.

Além de visualmente deslumbrante, o filme também conta com um perfeito ritmo de edição, sendo propositalmente mais lento no seu início e  depois assumindo um ritmo frenético. Tanto que, mesmo sendo assistido duas vezes seguidas no cinema (com 2 dias de intervalo), não achei sua duração demasiadamente longa (se não me falha a memória, são 160 minutos).

O trabalho dos atores também merece destaque . Não tenho como deixar de citar a memorável performance de Zoe Saldanha, belíssima (como pudemos acompanhar em STAR TREK) e muito competente. Apesar de saber do empenho dos animadores, fica claro que 99% do que vemos em Neytiri é resultado da interpretação da moça – não ficaria surpreso se fosse indicada ao Oscar, mesmo sabendo que isso é muito difícil.

Também adorei ver na tela Joel Moore, que acompanho na pele do “nerd emo” Fisher, na série BONES, assim como a sempre eficiente Sigourney Weaver. Por outro lado, não gostei tanto do avatar de Sam Worthington, que me pareceu “abobalhado ” demais, em algumas cenas (talvez porque eu tenha uma certa implicância com o ator).

AVATAR tem um segundo defeito: depois de assistí-lo, outros filmes perdem muito a graça. Um exemplo é que ontem comecei a rever a trilogia SENHOR DOS ANÉIS, em sua versão extendida, e estou achando os efeitos digitais precários (logo eles, que tinham me abismado tanto).

8 Comentários »

RSS feed for comments on this post. TrackBack URI

  1. Fala Davi!!!!

    Eu aqui do lado do cinema e me enrolei pra ver este filme… mesmo lendo maravilhas dele… um dia fui sem ver a programação e faltava 2 horas para começar e não tive paciência… outro dia eu estava com algumas compras do Bourbon e não quis carregar para a sala de cinema… e trabalhei de turno… várias desculpas esfarrapadas… agora não sei se pego no cinema ainda… vou tentar ir na quinta… dia que estou de folga…

    abração e que bom que voltou com o blog… já está de volta nos favoritos…

  2. Grande Davi!

    Que bom que voltou a escrever nesse blog!
    Ainda não assisti Avatar, e agora você me dasanimou de vez, quando diz “a história nada mais é do que uma revisão de POCAHONTAS e DANÇA COM LOBOS, escondida por detrás de um visual hitech” pois, eu ainda sou daqueles que gosta mais de uma boa história do que efeitos deslumbrantes. Um exemplo: um amigo indicou 2012, que assisti cheio de expectativas e te digo que foi um dos piores filmes catátrofe que já assisti. E indiquei para ele Bastardos Inglórios que ele odiou mais do que eu provavelmente odiei 2012. Bom, gosto é gosto.

    Abraço!

  3. Grande Wagner!
    Bom, fico até com vergonha de dizer mas, curti assistir 2012… rsss.
    Concordo que a história é patética (aliás, esqueci dela assim que saí do cinema) mas me diverti bastante.

    Sobre BASTARDOS INGLÓRIOS, ainda não assisti… mas estou com medo de achar ele monótono. Um grande problema de filmes com muitos diálogos e referências é que muita coisa se perde na tradução/legenda – para quem não é fluente em inglês. Mas, assim que assistir, posto aqui um comentário.

    Mantenha contato meu amigo!
    abraço!

  4. fala davi cooper, ehehehehehhe
    vc comparou avatar com pocahontas????

    ta mais para a trilogia senhor dos aneis com a “tese” do desenvolvimento industrial versus ecologia…

  5. Realmente tem tudo a ver com Pocahontas, o cara chega da “civilização” para traçar a indiazinha e lembra Dança com Lobos justamente poque naquele filme o personagem de Kevin Costner passa a vivaer entre os indios e se apaixona pela cultura deles encontrando a redençao! Mas apesar da história ser realmente previsível, é contada de uma maneira delicada, e os personagens são todos bem desenvolvidos o que torna esse filme, mesmo esquecendo o 3D, infinitamente superior a maioria das produções que seguem a mesma linha de clichês!

    • Juracy, esse é um ponto de vista válido. Agora, em relação a SENHOR DOS ANÉIS, a história é infinitamente mais complexa. Limitar ela à apenas uma discussão sobre tecnologia x ecologia seria, no mínimo “patético” (piada interna)… rsss

      abraço e valeu pela visita!

    • Vinícius,

      Concordo contigo. Apesar da premissa simples, AVATAR é conduzido de maneira muito delicada e inteligente. Adorei o filme, só não elogiei ele mais porque de elogias a web já está cheia.

      abraço!

  6. Filme muito bom, merecia ter ganho o Óscar de melhor filme!


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.

%d blogueiros gostam disto: